A Rede Jovem Gadita, MIR- Santarém, foi instituída com a implantação da Igreja Batista Missionária em Santarém no ano de 1994, à época não possuía a denominação de “Rede” e sim “Culto Jovem; reunia aos sábados para cultuar a Deus.

Com a implantação da Visão Celular, o Culto Jovem, foi reestruturado, nascendo, assim, a Rede Jovem Gadita, ajustada aos passos da Visão, com a proposta de ganhar, consolidar, discipular e enviar jovens e adolescentes, fazendo uso da estratégias específicas para alcançá-los, não só nos cultos da Rede, mas também através das células de evangelismos realizadas nas casas.

A Rede Jovem Gadita está sob a liderança dos pastores Marcos André Ferreira Costa e Maria Aurina da Costa Coutinho e Costa; o irmão Jessé Avelange Lima Bentes e a pastora Renata Maria Gomes Bentes.

Sabe-se que os jovens e adolescentes têm um potencial singular para propagar a Palavra de Deus, por apresentarem características peculiares, entre eles a paixão por aquilo que acreditam, por sua ousadia e por determinação. São, portanto, instrumentos importantíssimos no Reino para fazer a diferença em um mundo de iguais, e firmados na Palavra em 1 Jo. 2:14, a Rede Jovem Gadita tem consolidado a juventude para conquistar novos territórios: “Filhinhos, eu vos escrevi, porque conheceis o Pai. Pai, eu vos escrevi, porque conheceis aquele que existe desde o princípio. Jovens, eu vos escrevi, porque sois fortes, e a Palavra de Deus permanece em vós, e tendes vencido o Maligno.”

Realizam acampamentos juvenis, o Encontro JUMP, jantares, coquetéis, piqueniques fortalecendo a Rede.